sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

Reumatismo em momentos de dificuldades

  As dificuldades para a montagem do elenco que jogará contra o Bonsucesso em Porto Feliz, neste sábado, continuam. Agora foi a vez de Borra acusar uma lesão na panturrilha e ficará de fora desta partida. Desta forma o número de jogadores ausentes subiu para 17.
  A diretoria de esportes do Maior de Todos está em sérias dificuldades, mas, o Reumatismo estará em Porto feliz  de qualquer forma e será muito bem representado.

    Se o atleta Márcio, que saiu com problemas na panturrilha na última partida, não confirmar presença, este jogo do próximo sábado, será o record de ausências em partidas do Reumatismo em toda a sua história. No dia 17/02 de 2008 o número de ausentes chegou a 17 e mesmo assim o Reumatismo enfrentou o Aliança de Cotia e venceu por 3 x 0. O segundo maior número de ausentes foi no dia 21/04 de 2011 com 16 faltantes, e o Reumatismo jogou em Boituva e empatou com o Municipal por 1 x 1.

  Estamos no início da temporada, o planejamento é de fazer uma campanha igual ou superior a do ano passado. Mas, desta forma as coisas começaram a ficar difíceis.
  No dia de ontem, era visível o descontentamento de nossa comissão técnica, o que é um perigo para a manutenção e existência do Maior de Todos. Naturalmente que com essa comissão técnica a peteca nunca cairá, atletas são convidados e oferecidos diariamente, mas, temos que todos puxar para uma só direção.
  Como sempre é dito exaustivamente "ninguém é mais importante do que nosso escudo", e que todos estão convidados a se retirar se não concordam, chegou o momento da decisão "ou vai ou fica".
  No ano passado, um atleta foi dispensado, neste, outro já se retirou, e durante os próximos dias, novas decisões serão tomadas, todas no sentido de fortalecer técnicamente e manter unidade no elenco. De uma forma ou de outra sempre seremos "O Maior de Todos".

  Nesta partida, viajará com o elenco, uma emissora de tv para fazer uma série de reportagens, pois nela começaremos a documentar a trajetória de um time que conquistou títulos internacionais e sempre existindo apena sem uma categoria, uma coisa inédita no meio do futebol de várzea.

Nenhum comentário:

Postar um comentário